Karen Meira Listas Música

Lollapalooza | 8 coisas que você precisa saber sobre o festival

Origem e curiosidades de um dos mais importantes festivais de música do mundo


1. Como tudo começou

Cartaz anuncia a primeira edição do Lollapalooza (Foto: Divulgação )

Criado pelo cantor Perry Farrell em 1991 nos EUA, mas não do jeito que a gente conhece hoje, já que a ideia inicial não era que ele fosse um festival, mas sim uma turnê de despedida da sua banda, a Jane’s Addiction. A tour contou com a presença de diversos grupos e aconteceu anualmente até 1997. Entretanto, 2003 ela voltou, agora sim com o objetivo de ser um festival itinerante que juntava diversos gêneros musicais e apresentava as novas bandas do momento.

2. Origem do nome

O termo é datado do final do século 19 e vem de uma expressão usada nos Estados Unidos que quer dizer “algo extraordinário ou incomum, um exemplo excepcional”. E acredite se quiser, o cantor Perry Farrell ouviu essa expressão no desenho dos três patetas.

3. Internacional

Em 2010, foi anunciado que Lollapalooza iria estrear na América do Sul, com um ramo do festival produzido na capital do Chile, Santiago de 2 a 3 de abril de 2011. A line-up incluia The Killers, Kanye West, Jane’s Addiction, 30 Seconds to Mars, The National, Manny and Gil the Latin, The Drums, Los Bunkers, Ana Tijoux, Javiera Mena, Fatboy Slim, Deftones, Los Plumabits, Cypress Hill, 311, The Flaming Lips e outros.

Resultado de imagem para lineup lollapalooza brasil 2012
Line-up Lollapalooza Brasil 2012

Em 2011, foi confirmado a versão brasileira do evento, que foi feita no Jockey Club em São Paulo nos dias 7 e 8 de abril de 2012. A primeira edição do Lolla Brasil contou com mais de 135 mil pessoas. Foo Fighters, O Rappa, Racionais MC’s, Arctic Monkeys, Joan Jett e muito mais. No mesmo ano foi anunciado uma versão em Israel.

Estados Unidos, Brasil, Chile, Argentina, Alemanha e Colômbia são os países que têm, hoje em dia, edições locais do Lollapalooza. Em 2017, ocorreu a primeira edição em Paris, na França, totalizando 7 países em que o festival passou.

4. Última apresentação de Ramones

Infelizmente, a primeira participação do Ramones no Lollapalooza, acabou sendo a última. Debaixo de sol, a banda apresentou o seu set básico, mas com a energia explosiva de sempre. Dois dias após aquela pequena turnê de despedida, a banda faria o seu último show em Hollywood.

5. A volta por cima de Lady Gaga

Honrando um de seus princípios de dar espaço para artistas independentes, o Lollapalooza possui alguns casos curiosos de bandas e artistas que em um ano se apresentaram em palco menores e, depois de algum tempo, se apresentavam como headliners.

6. Morte de Kurt

O maior nome dessa lista talvez seja o da cantora Lady Gaga. Em 2007, ela se apresentou em um palco alternativo e se tornou a grande surpresa do festival. Três anos depois, ela estaria no palco principal com uma apresentação que custou aproximadamente US$ 100.000.

O cancelamento do show do Nirvana no Lollapalooza 1994, nos EUA, foi a última notícia relevante sobre o Nirvana antes da descoberta do corpo de Kurt Cobain em Seattle, no dia 8 de abril

7. Sustentabilidade

certificado

O festival é “livre de carbono”. Após um estudo de todo carbono utilizado durante o festival, a organização compra créditos de carbono na forma de projetos ambientais. Esses projetos não emitem gases na natureza ou capturam os que já foram lançados na atmosfera que contribuem para o efeito estufa.

8. Lançando talentos

Você sabia que muitas bandas começaram a crescer e fazer muito sucesso depois de se apresentarem no Lolla? Algumas delas são: Red Hot Chilli Peppers, The Strokes, The Killers, Nine Inch Nails, entre outras. O festival foi o impulso que as fizeram mais populares mundialmente.

Este ano no Brasil o Lollapalooza acontece nos dias 3,4 e 5 de abril. Guns N’ Roses, The Strokes e Lana Del Rey são algumas das estrelas que virão para o evento.

%d blogueiros gostam disto: