10 motivos para assistir o filme “O Grande Gatsby”

por Karen Meira

“O Grande Gatsby” entrou na nossa lista de favoritos e vamos te dizer o por quê: Já somos fãs assumidas de Leonardo DiCaprio e admitimos ter assistido o filme inicialmente por causa dele, mas após algum tempo agradecemos por ter feito essa escolha. Após pouco mais de duas horas de duração que parecem ter sido bem menos, aos prantos, separamos 10 motivos para você assistir “O Grande Gatsby”:

Adaptação do clássico da literatura

“O Grande Gatsby” escrito por F.Scott Fitzgerald (o mesmo que criou “O Curioso caso de Benjamin Button”), tem como trama central a história de um milionário misterioso e excêntrico: Jay Gatsby (Leonardo DiCaprio). Ambientado nos anos 20, Gatsby é conhecido pela elite de Nova York por dar festas deslumbrantes e regadas a luxo em sua mansão. Mas apesar de ser visto como poderoso sua origem é desconhecida, a imagem de festeiro e jovem rico esconde um homem vazio que busca reconquistar a amada. Lançado em 2013, a obra é narrada pelo personagem Nick Carraway, vizinho do milionário e primo de Daisy Buchanan, o grande amor da vida de Gatsby.

Um espetáculo de efeitos

Por ser um fime de época logo imaginamos cenas sem cores e tediosas, mas o longa é o oposto disso, a cada minuto perdemos o fôlego com tantos efeitos especiais, paletas de cores maravilhosas, fogos de artifício, flores, esculturas…. tudo muito vivo. A fotografia também não deixa a desejar, imagens com o plano de fundo desfocado, em câmera lenta e com destaque maior nas cores mais fortes. Tudo no filme agrada os olhos do espectador.

Referências históricas

Mesmo sendo ficção é facil captar um pouco do que era os Estados Unidos em 1920, o filme trata de assuntos como racismo, Primeira Guerra Mundial, Lei Seca, American Way of Life, máfia e politica, tudo camuflado em segundo plano mas que para bom entendedor meia referência basta.

Leonardo Dicaprio

É muito dificil dar um rosto a um personagem tão classico e conhecido, a escolha de DiCaprio para interpretar Gatsby foi criticada por muita gente, mas após a produção do filme o ator provou que pode fazer qualquer papel que lhe é dado. Gatsby foi interpretado fielmente por DiCaprio que soube transmitir exatamente a essência do personagem como é na obra original, e conquistou grande parte do público por isso.

Tobey Maguire

Conhecido com mais destaque pela trilogia de “Homem-Aranha” Tobey retorna a um papel forte e mostra que é um ator tão bom quanto Leonardo Dicaprio e que tem muito a oferecer. Leonardo DiCaprio e Tobey Maguire são amigos de infância na vida real, e foi DiCaprio que convidou o amigo para fazer parte do filme visto tambem como uma oportunidade de atuarem juntos, o que colaborou muito na criação do relacionamento de amizade de Gatsby e Nick no filme.

Figurino premiado

Os figurinos roubam a cena tanto quanto as cores e a fotografia, percebemos com o desenvolvimento que cada roupa caracteriza a personalidade do personagem que a veste. Com muita estética, o figurino é regado de grifes famosas como Tiffany, Prada e Miu Miu, algumas dessas peças, desenhadas especialmente para o filme. Não é a toa que rendeu a Catherine Martin, figurinista do longa, o Oscar de Melhor figurino. É um prato cheio aos fashionistas de plantão.

Trilha Sonora diferenciada

Você nunca pensou que ao assistir um filme de época ouviria em sua trilha sonora Beyonce, Jay-Z, Florence and the Machine e Lana Del Rey. Em “O Grande Gatsby” versões de musicas populares de hoje em dia foram ambientadas no clima da época do longa. Você até ouve Jazz, que é o gênero musical mais característico dos anos 20, mas é provável que você se depare cantando algum dos sucessos conhecidos que fazem parte das festas gigantes de Gatsby.

Nem só de drama viverá o homem

“O Grande Gatsby” é um drama e disso ninguém tem dúvidas, mas não quer dizer que a maior parte do filme te fará chorar, na verdade, é tão gostoso de assistir que você nem lembra que se trata de um filme sério, por conta das variadas cenas cômicas. Por exemplo, Nick Carraway (Tobey Maguire), o narrador dessa história, é um sujeito muito atrapalhado e simples, deslumbrado com tudo que vivencia no meio da elite é comum o resultado disso render cenas engraçadas. Jay Gatsby, tem um jeito um tanto excêntrico e anti-social que chega a ser normal simpatizarmos com o personagem, por vezes tímido, personalidade controversa a imagem que possui.

Romance e Ilusão

Tudo é muito intenso nesse longa. O amor de Gatsby por Daisy é poético, mesmo que quase ilusório, Gatsby descreve detalhadamente o quão é apaixonado pela amada desde a juventude e o como almejou o tão esperado reencontro. Além de palavras, demonstra muito com olhares, gestos (até exagerados) e confissões ao amigo Nick. Com uma tentativa desesperada de reviver o tempo perdido, podemos refletir que mesmo com tanto poder e dinheiro um homem não pode ter tudo.

Diretor de Sucesso

O renomado diretor Baz Luhrmann, já tem um histórico de sucesso que inclui títulos como Romeo + Juliet (1996) e Moulin Rouge (2001), por isso é fácil notar semelhanças entre “O Grande Gatsby” e obras anteriores do diretor que tem como forte característica a afeição exagerada ao luxo, o que se torna um ponto positivo em filmes de época onde o glamour sempre foi pouco abordado.

Eai despertamos sua curiosidade? Topa assistir e compartilhar com a gente o que achou? Mas antes, não esquece de dar uma olhadinha no trailer para ter uma prévia de tudo isso.

Um comentário sobre “10 motivos para assistir o filme “O Grande Gatsby”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s